Arquivo | Record RSS for this section

“Dona Xepa” e “Chamas da Vida” substitutem o “Programa da Tarde” a partir de agosto na Record

Elenco de “Chamas da Vida”, novela que será reprisada pela Record no horário hoje ocupado pelo “Programa da Tarde”

A Record acaba de definir as novelas que serão reprisadas à tarde em substituição ao “Programa da Tarde”, que chega ao fim no próximo dia 10. “Dona Xepa” e “Chamas da Vida” foram as escolhidas para ocupar o horário e bater de frente com as novelas da tarde do SBT. As informações são da coluna Flávio Ricco no UOL.

Exibida entre maio e setembro de 2013, “Dona Xepa” foi um remake da obra original exibida pela Globo na década de 1970. Escrita por Gustavo Reíz, a trama foi protagonizada por Ângela Leal. Apesar de bastante elogiada pela crítica, a história não obteve êxito em sua primeira exibição: terminou com média geral de 7 pontos na faixa das 22h, ficando atrás do SBT no horário na maioria dos capítulos.

Novela da considerada “fase de ouro” da teledramaturgia do canal, “Chamas da Vida” foi ao ar entre 2008 e 2009 também na faixa das 22h. Escrita por Cristiane Fridman, foi protagonizada por Juliana Silveira e Leonardo Brício. Após um começo turbulento por conta da reprise de “Pantanal” no SBT no mesmo horário, a novela atingiu altos índices de audiências e grande repercussão, sendo lembrada até hoje.

A emissora não divulgou, no entanto, qual será a ordem de exibição das duas tramas. Apenas que ocuparão a faixa das 14h40 às 17h. Chama a atenção o fato de “Chamas da Vida” ser classificada como “imprópria para menores de 14 anos”, o que impediria sua exibição antes das 21h. A novela abordou vários assuntos polêmicos, como AIDS e pedofilia. A Record deve promover cortes bruscos na história para que ela seja reclassificada e consiga ser exibida mais cedo.

Anúncios

Record define data de estreia de “A Fazenda” e “Cake Boss”

A Rede Record definiu a data de estreia da nova temporada do reality show “A Fazenda”. O programa entra no ar na primeira quinzena de setembro, ainda sem horário definido. Já na segunda quinzena entra no ar o “Cake Boss”, reality de confeiteiros comandado por Buddy Valastro. As informações são da coluna Flávio Ricco no UOL.

Ao que tudo indica, Britto Jr. seguirá no comando de “A Fazenda”. Muito se especulou que Gugu Liberato poderia assumir a atração, que se tornaria um quadro de seu programa. Mas a ideia parece não ter vingado. O formato do reality show também seguirá o mesmo, com celebridades concorrendo ao prêmio.

Já o horário de exibição da nova temporada de “A Fazenda” ainda é uma dúvida. O mais provável é que o reality seja exibido na faixa da meia-noite, por falta de espaço na grade. Na segunda, entraria no ar logo após o “Xuxa Meneghel”. Na terça, quarta e quinta-feira, depois de “Gugu”. Já na sexta, depois da “Super Tela”. No sábado, o programa deve entrar no ar mais cedo, entre o “Programa da Sabrina” e o “Legendários”, por volta das 22h30. Aos domingos, deve ir ao ar também mais cedo, às 22h, entre o “Domingo Espetacular” e o “Repórter em Ação”.

Record adia estreia do reality show de Buddy Valastro

A Rede Record optou por adiar a estreia do reality show “Batalha de Confeiteiros Brasil”, comandado pelo chef internacional Buddy Valastro. O programa só deve entrar no ar em setembro, ainda sem dia e horário definidos. As informações são da coluna Outro Canal da Folha de S. Paulo.

A ideia da emissora é priorizar a estreia do “Xuxa Meneghel”. Todos os olhares se voltam agora para a atração, que ocupará as noites de segunda, às 22h30, a partir do dia 10 de agosto. Detalhes sobre o formato, divulgação e venda de cotas de patrocínio começam a ocorrer em ritmo acelerado.

Com o adiamento, o “Batalha de Confeiteiros Brasil” estreará depois do “Mão na Massa”, reality do SBT também envolvendo confeiteiros com estreia prevista para o fim de julho, em substituição ao “Cozinha Sob Pressão” nas noites de sábado.

Edição nacional do “Balanço Geral Manhã” estreia segunda (11) na Record

bgm

Pouco mais de um mês depois de deixar a Bandeirantes, Luiz Bacci passará a comandar um segundo projeto na Record. O jornalista, que desde o dia 1º de abril estava no comando do “Balanço Geral Manhã SP”, passa a apresentar a edição nacional do jornalístico, que vai ao ar entre 6h30 e 7h30 da manhã.

Em São Paulo, o matinal começará mais cedo, às 6h, e terminará mais tarde, às 9h. O “Fala Brasil”, portanto, perderá meia hora de duração. A direção de jornalismo da emissora tentou fazer com que o “Hoje em Dia” saísse prejudicado com as mudanças na programa, mas a estreia do “Melhor Pra Você” da RedeTV!, prevista para a segunda quinzena deste mês, fez a emissora recusar a proposta de começar a sua revista eletrônica quando a da concorrência já estivesse no ar.

Segundo o jornalista Daniel Castro do site Notícias da TV, a estreia do “Balanço Geral Manhã” vem causando um certo mal estar no bastidores da sede da Record em São Paulo e nas afiliadas. Isso porque o “SP no Ar” deixará de ser exibido. Para muitos, esse é o segundo “puxão de tapete” que Bacci dá desde sua volta à emissora (logo que foi contratado, ele foi confirmado no comando da edição local do “Balanço Geral Manhã” no lugar de Fabíola Gadelha). Já as afiliadas não gostaram de perder uma hora de programação na faixa matinal. Quase todas as edições locais do “Balanço Geral Manhã” que estavam no ar pelo país tiveram que sair do ar.

Confira a chamada da estreia da edição nacional do “Balanço Geral Manhã”:

Cristianne Fridman deve continuar na Record

Com a reta final de “Vitória” no ar, Cristianne Fridman deve permanecer na Record. Autora e emissora já discutem a renovação do contrato. As informações são da coluna Flávio Ricco no UOL.

“Vitória” não atingiu as expectativas da Record em audiência: ficou longe dos dois dígitos de média, chegou a perder por diversas vezes para a reprise da mexicana “Rebelde” exibida pelo SBT no mesmo horário e ainda deve fechar com uma média geral menor que “Pecado Mortal”, sua antecessora.

Fridman entrou na Record em 2005 como colaboradora de “Essas Mulheres”. De lá pra cá foi a responsável por alguns dos principais sucessos da teledramaturgia da casa, como “Bicho do Mato” (2006), “Chamas da Vida” (2008) e “Vidas em Jogo” (2011).

Mel Lisboa não renova contrato com a Record

Prestes a entrar no ar na nova novela da emissora, “Os Dez Mandamentos”, a atriz Mel Lisboa está deixando a Record. Ela não renovou contrato com a casa, que vence no próximo dia 30. As informações são da jornalista Patrícia Kogut do jornal O Globo.

Por conta disso, a personagem da atriz só poderá ser vista nos primeiros seis capítulos da novela de Vivian de Oliveira que estreia no dia 23, às 20h30.

Na Record, Mel Lisboa teve uma passagem conturbada. No ano passado, ela resolveu deixar o elenco da novela “Pecado Mortal” para se dedicar a um musical sobre a vida de Elis Regina, gerando um desentendimento com o autor, Carlos Lombardi, e a emissora.

Wanessa sobre programa do Gugu: “Melhorem, invistam, ensaiem”

wanessa

Wanessa no momento em que acontece uma falha no áudio no programa do Gugu da última terça (03). Foto: Reprodução/Rede Record

A cantora Wanessa Camargo decidiu se pronunciar na manhã desta quarta-feira (04) sobre a gafe ocorrida ontem no programa de Gugu Liberato na Record. Na ocasião, um problema de áudio atrapalhou a apresentação da música “Shine It On”.

Em sua página oficial no Facebook, a artista relata que foi comunicada horas antes do programa entrar no ar de que não poderia se apresentar ao vivo por “falta de estrutura, equipamentos, etc”. Como as chamadas da atração já estavam no ar, ela optou por abrir uma exceção e fazer playback.

No momento em que Gugu a convidou para cantar, houve um grave erro e o silêncio pairou no estúdio, enquanto o público de casa ouvia perfeitamente a música. Wanessa começou a improvisar com a plateia, cantando à capela trechos de várias de suas músicas durante cerca de um minuto, enquanto os telespectadores ouviam as vozes de “duas Wanessas”, cantando músicas diferentes ao mesmo tempo.

Após cantar o refrão de três músicas, o som finalmente foi ouvido no estúdio e a cantora prosseguiu a apresentação normalmente, sem imaginar a proporção que havia tomado o ocorrido. Nas redes sociais, “Wanessa Camargo” entrou logo para os assuntos mais comentados do Twitter, enquanto vídeos da gafe se proliferavam nas redes sociais.

No desabafo, Wanessa classifica o erro como “primário e amador” e a situação que viveu no palco do programa como “constrangedora”. Ela termina ainda afirmando que possui 15 anos de carreira e “merece respeito”, dando um recado a Gugu e toda sua produção: “melhorem, invistam, ensaiem”.

Confira o vídeo do momento em que acontece a falha no áudio e o desabafo na íntegra da cantora:

“A novela… Programa do Gugu.

Terça-feira, 3 de março, 15h. Recebo uma ligação da minha equipe desesperada dizendo que não haveria a possibilidade de fazer o programa do Gugu (no mesmo dia) no formato Live PA (para quem não sabe, é quando o DJ toca e eu canto ao vivo). A justificativa foi a falta de estrutura, equipamentos e etc…

O que fazer então? A chamada está no ar, a divulgação está feita… Então decido: “Ok, irei abrir uma exceção”. Por ser o programa do Gugu, a quem estimo e respeito. Por ser Record, parceira tantas vezes. Mesmo sendo contra o que tenho feito há anos: eu devo, posso, e o público merece que seja sempre ao vivo.

Foi combinado e acertado, então, que eu cantaria duas músicas e participaria de um jogo chamado Cabine.

22h30: o programa começa e entro logo no início. Cumprimentos, conversa rápida e vamos cantar.

“- Ok, vamos lá!”

1,2,3,4,5,6,7,8,9,10… Silêncio no estúdio.

11, 12… e começa a ficar constrangedor…

Pensa rápido, Wanessa!

Então, eu digo: “-Vamo ao vivo então. Shine it on, shine it on, shine it on me. Vamo lá, gente!” E nada da música começar.

Digo outra vez: “-Vamo de novo então, galera!” E emendo O Amor Não Deixa até o refrão todo. Nada acontece no estúdio e eu começo a pensar em outra música, ou vou dar cambalhota, sei lá!

Quase 1 minuto depois, a música começa a tocar no estúdio. Então, disse eu: “-Aê, agora vamos!”

Saí do programa, de certa forma incomodada – pois nada acordado foi acertado -, mas a surpresa maior foi ver o que tinha realmente acontecido. O que parecia ter sido apenas um pequeno contratempo, controlado pelo o meu improviso maluco, na verdade foi um king kong. E pior, pago por outras pessoas e dado para mim, afinal, a cara na frente da câmera, era a minha.

Como é que uma rede de televisão do porte da Record e um programa de um dos maiores nomes da televisão podem cometer um erro tão primário e amador? Enquanto eu cantava a acapella no silêncio constrangedor e, repito: CONSTRANGEDOR do estúdio, o público em casa estava ouvindo perfeitamente a música durante quase um minuto.

Como ninguém vem avisar? Dar um grito, sei lá. Me desculpe, mas esta conta não é minha.

Com humildade e todo respeito e carinho que tenho por vocês: melhorem, invistam, ensaiem. É inadmissível vocês deixarem os seus convidados passarem por tamanho desconforto – sendo eu, que já tenho os meus 15 anos de carreira e mereço o meu respeito – como qualquer artista que se predispõe a sair de sua casa, para pisar em vossa casa”.

%d blogueiros gostam disto: